fundo parallax

Somos frutos doces ou amargos?

Novena de Santa Cecília 9º dia
21 de novembro de 2018
“Dê a mim, Senhor, todas as tristezas e todos os sofrimentos de meus irmãos”
26 de novembro de 2018
 


Somos frutos doces ou amargos?



Sabemos como São Francisco entrava em êxtase quando orava, como sua alma se transportava para junto de nosso Senhor. E sabemos também que Francisco foi um grande profeta. Hoje nós vemos Francisco em um de seus momentos de oração quando Deus revela coisas para ele sobre a Ordem e como ele não se contém e conta aos irmãos, pois tão maravilhado estava. “Vi uma enorme multidão de homens vindo a nós e querendo viver conosco este gênero de vida e esta Regra de santa religião”.

A alegria de nosso seráfico Pai era imensa, pois Deus mostrou a ele como a Ordem iria crescer. Como pessoas do mundo inteiro iriam querem viver este modo de vida que Francisco e seus companheiros estavam vivendo. E a ordem de fato se expandiu… se dividiu para somar e muito cresceu em número. A pergunta é… cresceu também em qualidade? Queremos acreditar que sim. Dizem que quando morre o fundador, as ordens, congregações, institutos e etc. acabam mudando… Então fica no ar a indagação: o que diria Francisco hoje de sua ordem? Teria ele orgulho ou vergonha? É um tema muito delicado. Realmente só Deus sabe… Por que será que Francisco diz que no início a ordem receberá frutos doces, depois nem tão doces e no fim amargos e intragáveis? Quem são esses frutos? Seus membros? Seremos nós?

Celano diz que: “A grande verdade que encerram essas palavras proféticas e a exatidão com que se cumpriram são muito claras para os que pensam com imparcialidade”. Portanto não cabe a nós aqui hoje fazer uma interpretação dessa profecia de São Francisco de Assis, mas tão somente nos alegrarmos com ele, pois Deus revelou que seríamos uma imensa família franciscana espalhada pelo mundo, e assim o somos. E a descendência numerosa é sempre sinal da benção de Deus.

Que assim seja.

Amém.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *