Conheça, ame, viva e defenda a Fé Católica

Beato Dom Columbia Marmion

32

Talvez você nunca tenha ouvido falar do Beato sobre o qual falaremos no dia de hoje, mas, muito provavelmente, ficará muito interessado em se aprofundar na história deste irlandês: Dom Columba Marmion. Isso porque, como veremos mais adiante, é considerado um grande mestre da vida espiritual do século XX.

Seu nome de batismo era Joseph Aloysius Marmion. Nasceu no dia 01 de Abril de 1858, em Dublin, Irlanda, filho de William Marmion e Herminie Cordier. Era um menino que, apesar da pouca idade, já demonstrava vocação sacerdotal, e, assim, seus pais resolveram adotar um hábito um tanto peculiar: vestiam-no sempre de preto para recordar a batina sacerdotal.

Já adulto, Marmion ingressa no Seminário Diocesano de Dublin, e já era reconhecido por seus colegas como um santo e alguém muito sábio. Nesse momento de sua vida, o ainda seminarista Joseph se dedicou ao aprofundamento do estudo da Teologia, a qual, seria explorada durante toda sua vida por meio de seus escritos.

Ao notarem a aptidão daquele seminarista para a vida intelectual, mandaram-no para estudar em Roma, onde se aprofundou em Santo Tomás de Aquino, tornando-se grande entendedor e propagador das ideias tomistas.

Assim, aos 23 anos, no dia 16 de junho de 1881, foi ordenado sacerdote na Igreja Santa Ágata dos Gotos, em Roma. Retornando à Dublin, tornou-se pároco de um vilarejo, e depois  professor do Seminário local. No entanto, sua alma parecia inquieta, como se algo lhe faltasse. Foi quando conheceu o carisma mais antigo do monaquismo ocidental: a Regra de São Bento. Comunicou então ao seu Bispo o desejo de se tornar beneditino.

Esperou com paciência a resposta, a qual chegou em novembro de 1886, mudando-se, então para a abadia de Maredsous, na Bélgica, e lá, a alma do agora Dom Columba Marmion (nome religioso escolhido por ter sito São Columba um mártir irlandês), pôde florescer em sabedoria e santidade.

Dom Columba, além da profunda vida de oração, tinha uma característica muito particular: era extremamente diplomático, e, com isso, conseguiu inclusive que um mosteiro outrora anglicano se tornasse católico. Eleito abade do mosteiro, sempre buscou orientar os monges ao caminho da perfeição. Seus escritos refletiam sua espiritualidade, de tal modo que inicialmente eram apenas para seus filhos espirituais, mas, tamanho foi o impacto que causaram aos monges, que estes resolveram por si publicá-los para os leigos, posteriormente. São alguns deles: Vida da alma (1917), Cristo em seus mistérios (1919), e Cristo, ideal do monge (1922). Elas eram recomendadas inclusive pelo Papa Bento XV.

Em seus últimos anos de vida, Dom Columba se dedica mais ainda à santificação, e vive intensamente com o intuito de consolar o povo sofrido que retornara da primeira grande guerra. Depois de uma vida totalmente dedicada ao amor a Jesus e Maria, entrega sua alma a Deus no dia 30 de janeiro de 1923, vítima de uma epidemia de gripe que pairava sobre a Bélgica. Foi beatificado em 3 de setembro de 2000 pelo Papa São João Paulo II, ao ser reconhecida uma cura inexplicável de um câncer por sua intercessão.

Apesar de extremamente sábio e culto, Columba conservou sua humildade e foi exemplo de cuidado para com todos que o procurassem. Ao contarmos sua história, mesmo que resumidamente, acreditamos que muitos pedirão sua poderosa intercessão. Abaixo se encontra a oração para pedir graças por intercessão do Beato Dom Columba Marmion:

Oração para pedir uma graça pela intercessão do Beato Dom Columbia Marmion

Senhor nosso Deus, fizestes compreender tão bem a vosso servo, o Bem-aventurado Columba, que, depois de nosso batismo, somos filhos adotivos e irmãos de Jesus Cristo: escutai como um bom Pai as orações que vos dirigimos por sua intercessão para obter…

Ensinai-nos , por seu exemplo e doutrina, viver generosamente como verdadeiros cristãos, numa confiança filial e uma simplicidade cheia de amor.

Dignai-vos igualmente, se tal é vosso desejo, manifestar claramente por milagres, quanto o Bem- aventurado vos é agradável, a fim de que a Santa Igreja possa declará-lo Santo.

Por Cristo, nosso Senhor. Amém.

Para uma novena, dizer diariamente esta oração, acrescentando um Pai nosso, uma Ave Maria e um Glória ao Pai.

Beato Dom Columba Marmion, rogai por nós!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.