Com a ajuda de Deus, esforcemo-nos por ser como os jovens, cheios de vigor e sempre alegres.

4

Na época de Padre Pio, os jovens eram cheios de vigor e sempre alegres. Por isso ele diz que para com a ajuda de Deus deveríamos nos esforçar para sermos como os jovens. Talvez Padre Pio estivesse observando nos adultos pouca disposição, cansaço, desânimo e tristeza. Mas de uns tempos prá cá tenho observado exatamente o contrário. Pais dos seus trinta e poucos anos, alegres e cheios de vigor e seus filhos adolescentes desanimados. Pais que convidam os filhos para sair, fazer uma trilha, uma escalada, uma aventura e filhos que só querem ficar dentro de casa, na frente da TV ou do computador. Pais que se divertem nos parques, nos cinemas, nos teatros e etc. e filhos que foram juntos arrastados e não tiram o olho da tela do celular.

Acontece que estes que hoje são pais, ontem eram filhos. Filhos alegres e vigorosos que corriam na rua o dia inteiro. Geralmente seus pais estavam ocupados demais para brincar com eles, para dar um pouco de atenção e eles não tem muitas lembranças de pais carinhosos ou atenciosos, só tem lembranças das broncas e das surras que levavam. Mas mesmo assim eram felizes com pouco. Não precisavam ganhar montanhas de brinquedos para serem felizes, improvisavam brinquedos com pedaços de madeira e latas e só entravam em casa quando anoitecia, completamente imundos e com o corpo todo arranhado. Colecionavam cicatrizes e eram felizes. Andavam em cima dos muros, subiam nas árvores e em cima dos telhados dos vizinhos. Quanto vigor! Só tinham um par de tênis e uma roupinha bonitinha pra ir a missa e hoje que são adultos querem compensar seus filhos. Compram de tudo. Roupas, livros, brinquedos, jogos eletrônicos, levam em shows, cinemas, teatros, festivais, parques de diversão, mas os filhos são apáticos. Não se contentam com nada. Então parece-me que desde que Padre Pio escreveu esta frase, os valores se inverteram e a situação é outra. Eu poderia dizer: Jovens, com a ajuda de Deus, esforcem-se para serem como seus pais, cheios de vigor e sempre alegres.

Que assim seja. Amém.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.