Novena de Santa Cecília 3º dia

480

Novena de Santa Cecília 3º dia

APERTE NO PLAY ACIMA PARA OUVIR A NOVENA

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, Amém.

Santa Cecília, a padroeira dos músicos como é conhecida, encarnou como ninguém na história da Igreja não apenas o ideal da virgindade, mas também o da vigilância cristã. Levava sempre em seu peito o evangelho de Cristo e cantava a Deus em seu coração. Foi essa referência ao canto que a tornou padroeira dos músicos.

Mais tarde, Santo Agostinho apresenta o significado de cantar a Deus com arte e júbilo e o que é cantar com júbilo? É compreender que não se pode exprimir com palavras o que se canta com o coração. Assim que o seu coração exulte sem palavras e que a imensa extensão do júbilo não tenha limite de sílabas.

Com o ideal da virgindade, Cecília se consagrou a Deus de corpo e mente fazendo Dele o único Senhor de sua vida. Pela vigilância cristã cultivava a oração contínua na busca de rejeitar as obras das trevas e revestir-se das armas da luz.

São ideais que não perderam nem perderão a validade porque o cristão tem a missão de levar sempre o evangelho no coração como fez Santa Cecília.

Isso faz dela uma santa cujo exemplo e mensagem de vida continuam atuais, especialmente em nosso mundo secularizado, para o qual a força de um coração puro é sempre um valor a se propor e exaltar.

Terceiro Dia:
Cecília se entrega a um amor maior

Um pouco de história:
Após revelar sua consagração a Deus, Cecília aconselhou o marido a visitar o papa Urbano, que se havia refugiado nas catacumbas. Desse encontro, resultou a conversão do marido e de Tibúrcio, irmão dele. Nessa época, era proibido o sepultamento de cristãos em Roma, porém eles se dedicaram a sepultar os cadáveres de cristãos martirizados que se encontravam. Em razão disso, foram levados a julgamento. Nessa ocasião, o imperador garantiu-lhes a liberdade caso adorassem ao Deus Júpiter. Diante de sua negação, foram torturados e decapitados numa região próxima a Roma. Cecília recolheu os corpos de ambos e os sepultou na via Àpia. Não menosprezou o amor do esposo Valeriano e viu triunfar o amor maior para o qual ela se entregara totalmente consagrando-lhe toda a existência.

Oração inicial:
Ó Santa Cecília, nossa admirável padroeira, rogai a Deus por nós. Que nossa vida seja um hino de louvor e gratidão e que não percamos a pureza de coração a qual nos permite ver Deus em nós mesmos e nos irmãos. Obtende-nos dele a graça de que hoje tanto necessitamos (fazer o pedido).

Pai- Nosso, Salve Rainha, Ave-Maria, Glória ao Pai…

Santa Cecília, rogai por nós.

Leitura Bíblica:
“Nisto meu Pai é glorificado: que deis muitos frutos e vos torneis meus discípulos. Com o meu Pai me ama, assim também eu vos amo.Permanecei no meu amor.”
(Jo 15,8-9)

Oração final:
Ó Deus de amor, nós vos louvamos por nos terdes dado em Santa Cecília um exemplo admirável a ser imitado na observância da castidade e da vigilância cristã. Ela viveu com todas as forças as palavras do vosso amado Filho, Jesus: “Vigiai e orai, para não cairdes em tentação; pois o Espírito está pronto, mas a carne é fraca” (Mt 26,41). Que ela seja nossa intercessora junto a vós, para que possamos crescer na santidade pela prática do amor solidário.

Para refletir:
“Deus pode dar-nos os recursos interiores e necessários para enfrentar as tempestades e os problemas da vida.”

E continuamos reunidos em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.