parallax background

Tenha sempre muita confiança na Divina Providência.

E18T02 – O cânon bíblico
2 de maio de 2017
O trono que fora de Lúcifer
2 de maio de 2017

Quando o dia seguinte chegar, ele também será chamado de hoje e, então, você pensará nele. Tenha sempre muita confiança na Divina Providência.

Ao nos pedir para termos muita confiança na Divina Providência, padre Pio nos provoca a pensarmos em um dia de cada vez e vivermos um dia de cada vez sem nos preocuparmos com o dia de amanhã. Não se preocupar com o dia de amanhã, não quer dizer que não devemos fazer planos, que não devemos sonhar, não, nada disso. Quer dizer, que não devemos ter preocupações vãs e não devemos sofrer por antecipação. Há pessoas que sofrem hoje, com o que pode acontecer amanhã, mas pensam sempre no pior. Parecem que não confiam em Deus, que não confiam na Divina Providência.

Por exemplo, em uma grande multinacional está ocorrendo uma demissão em massa. Muitos já foram mandados embora. Eu trabalho nesta mesma empresa, o que devo pensar? Devo ficar apavorado, desesperar-me, passar as noites em claro ou colocar toda a minha confiança em Deus? Se confiamos plenamente na Divina Providência, sabemos que o melhor irá acontecer. Pode ser que dez mil funcionários sejam demitidos, mas o meu emprego esteja assegurado. Pode ser que eu também seja demitido, mas justamento porque Deus já reserva um emprego melhor para mim. Acredite, confie, creia nas promessas de Deus para a sua vida, meu irmão, minha irmã, Ele sempre tem o melhor.

Aquele namoro não deu certo? Pra que ficar chorando como se o mundo tivesse acabado? Confie em Deus, Ele sabe o que é melhor e vai te mostrar um outro caminho muito mais santo.

Quando acordei de manhã com a notícia de que Bento XVI havia renunciado ao papado, meu mundo desmoronou. Fiquei perplexo, sem chão e pensei: “o que será da Igreja agora?” Eu já tinha pago a minha viagem e a do meu filho para a Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro e logo me veio em mente a vontade de desistir. Então começaram os pensamentos ruins: “e se escolherem um papa modernista ou adepto à teologia da libertação?” E comecei a ficar preocupado. Pré-ocupar-se significa justamente se ocupar de algo antecipadamente. Mas veja que maravilha de Papa, Deus nos enviou. Eu tinha motivos para me preocupar? Claro que não. Foi falta de fé, falta de confiança na Divina Providência.

O próprio Jesus já nos disse no Evangelho: “Por isso eu vos digo: não vos preocupeis com a vossa vida, com o que havereis de comer ou beber; nem com o vosso corpo, com o que havereis de vestir. Afinal, a vida não vale mais do que o alimento, e o corpo, mais do que a roupa? Olhai os pássaros dos céus: eles não semeiam, não colhem, nem ajuntam em armazéns. No entanto, vosso Pai que está nos céus os alimenta. Vós não valeis mais do que os pássaros? Quem de vós pode prolongar a duração da própria vida, só pelo fato de se preocupar com isso? E por que ficais preocupados com a roupa? Olhai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham nem fiam. Porém, eu vos digo: nem o rei Salomão, em toda a sua glória, jamais se vestiu como um deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é queimada no forno, não fará ele muito mais por vós, gente de pouca fé? Portanto, não vos preocupeis, dizendo: O que vamos comer? O que vamos beber? Como vamos nos vestir? Os pagãos é que procuram essas coisas.

Vosso Pai, que está nos céus, sabe que precisais de tudo isso. Pelo contrário, buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão dadas por acréscimo. Portanto, não vos preocupeis com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã terá suas preocupações! Para cada dia, bastam seus próprios problemas.”

Que assim seja. Amém.

Os Cooperadores
Os Cooperadores
Apologética Católica pela Hermenêutica da Continuidade. Apostolado pertencente ao Centro de Estudos São Francisco de Sales, de Itajaí/SC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *