parallax background

Sejam como pequenas abelhas espirituais, que levam para sua colmeia apenas mel e cera. Que, por meio de sua conversa, sua casa seja repleta de docilidade, paz, concórdia, humildade e piedade

E07T01 – Casamento nulo?
29 de janeiro de 2017
A água poderá jorrar da rocha
29 de janeiro de 2017

Sejam como pequenas abelhas espirituais, que levam para sua colmeia apenas mel e cera. Que, por meio de sua conversa, sua casa seja repleta de docilidade, paz, concórdia, humildade e piedade

Que notável sabedoria e simplicidade de Padre Pio. Ele nos aconselha a sermos como abelhas espirituais. Levar para a nossa colmeia, a nossa casa apenas o mel e a cera. Talvez Padre Pio não entendesse muito de apicultura, talvez ele não fosse um grande biólogo.

Talvez ele não soubesse que o mel é produzido com o néctar que as abelhas colhem nas flores e que a cera é uma secreção glandular, pois as abelhas engolem e digerem o mel; transformam o alimento em gordura e, em 24 horas, já estarão fornecendo cera. Portanto a abelha não leva para a sua colmeia mel e cera, ela leva néctar das flores e transforma este néctar em mel e este mel em cera.

Mas Padre Pio certamente sabia que para produzir o mel, para produzir a cera, necessário é uma transformação no interior da abelha. Sermos abelhas espirituais significa justamente que é necessária uma mudança de atitude, uma conversão de vida, uma transformação interior. Quantas pessoas, que vivem a se queixar da vida, reclamam de tudo, estão sempre a murmurar não é mesmo? Estas pessoas estão colhendo o que? Nós devemos colher o néctar da vida. O néctar das dádivas de Deus. De tudo de bom que Deus nos dá. O sol que nasce todas as manhãs, e a chuva que lava a terra e dá de beber as plantas.

Todos os dons e talentos que Deus distribui abundantemente a cada um de nós. Esse é o néctar. Vamos colhê-lo. E vamos transformar em mel. Ou seja, em uma vida mais doce. Em sorrisos, em gentilezas. Vamos adoçar a nossa vida e a vida das pessoas que nos cercam, vivendo a cada dia a paz e o bem. Mas também, engolindo este mel, como abelhas espirituais, possamos produzir a cera.

A cera é usada na construção das colmeias. A cera representa algo de sólido, de concreto. Fazer o bem. Transformar a nossa fé em obras. Edificar o reino de Deus no coração das pessoas. E por fim, Padre Pio nos diz que, por meio da nossa conversa, a nossa casa deverá ser repleta de docilidade, paz, concórdia, humildade e piedade. Claro, se colhermos o néctar que vem de Deus e com ele transformarmos a nossa vida e contagiarmos a vida das pessoas que nos cercam com boas obras de evangelização e caridade, sem dúvida nenhuma, a nossa casa e o nosso coração estarão transbordantes de docilidade, paz, concórdia, humildade e piedade.

Portanto, meu irmão, minha irmã, não se esqueça: abelhas espirituais. Que produzem mel. Que produzem cera. Que transformam a vida em algo doce. E que realizam obras concretas do amor de Deus.

Que assim seja. Amém.

Os Cooperadores
Os Cooperadores
Apologética Católica pela Hermenêutica da Continuidade. Apostolado pertencente ao Centro de Estudos São Francisco de Sales, de Itajaí/SC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *