Carlo Acutis amou Jesus até o último suspiro

110

E eis que no dia 01 de outubro de 2020, diversos Bispos e outras autoridades se reúnem diante de um túmulo acompanhando sua abertura. E qual não foi a surpresa: o jovem que ali repousava parecia dormir, num sono celestial como o daqueles que esperam a ressurreição em Cristo. Um rapaz de apenas 15 anos que experimentou uma vida de amor, santidade e entrega, está a dias de ser beatificado, estando o seu corpo vestido não com um hábito religioso, ou terno e gravata, mas da forma como ele mesmo o era: simples. Um moletom, calças jeans e um par de tênis Nike compõem o que a vida do quase Beato Carlo Acutis traduz: não importa a época e quais as formas de se vestir desta. Para Deus, a Santidade vai além dos trajes.

O foco aqui não é discutir a famigerada modéstia, mas sim falar da vida de um rapaz que amou Jesus até o último suspiro. Carlo Acutis faleceu aos 15 anos de idade, vítima de leucemia, no dia 12 de outubro de 2006. Coincidência ou não, sabemos que aqui no Brasil, nesta data, além de comemorarmos a nossa padroeira, Nossa Senhora Aparecida, é também dia das crianças, e Nosso Senhor é enfático quando diz que somente os pequeninos herdarão o reino dos céus (Mt 18, 3).

Carlo nasceu em Londres no dia 03 de Maio de 1991, muito embora fosse de família italiana, e retornou a Milão ainda recém-nascido. Era um menino normal: brincalhão, gostava de se fantasiar de super-heróis, jogar futebol, e desde cedo desenvolveu habilidade para informática, sendo considerado um gênio para sua idade. Entretanto, o amor misterioso do crucificado começou a tocar o coração daquele menino, cuja família nem era sequer apegada à religião.

Carlo passou a recitar o Santo Rosário todos os dias, atendendo ao pedido da Virgem em Fátima. Ademais, passou a frequentar a Santa Missa diária, chegando a dizer: “A Eucaristia será minha estrada para o céu”. Assim, utilizando suas habilidades com computadores, Carlo inicia um apostolado na internet, catalogando os milagres Eucarísticos ao redor do mundo, anunciando, da forma como podia, o amor de Jesus no seu Santíssimo Sacramento. Ele conseguia por meio de sua alegria alcançar seus amigos e demais jovens que tinham a graça de encontrá-lo.

No entanto, os caminhos de Deus são insondáveis (Sl. 138, 17), com o jovem Carlo não foi diferente. Na flor de sua juventude, foi diagnosticado com uma leucemia severa que já não tinha mais jeito. Ao saber que se aproximava a irmã morte (utilizando as palavras de São Francisco de Assis), Carlo reage com resignação e total entrega à vontade de Deus, como pode ser visto neste vídeo:

Conta-se que, em vez de se entregar ao sofrimento por si, uniu-se a Cruz de Cristo oferecendo todo o seu sofrimento pelo Santo Padre e pela Igreja. Pode-se dizer, assim, que o jovem Carlo compreendeu a ciência da Cruz e a união plena ao Cristo Crucificado.

Sua mãe, que não era religiosa (conforme citado acima), ao presenciar o próprio Evangelho que Cristo que há 15 anos saíra de seu ventre, também teve sua vida transformada pelo testemunho do rapaz, e convenceu-se de que a missão de seu filho continuaria com sua partida. Ela narra, inclusive, dois sonhos: o primeiro uma semana antes de Carlo morrer, e o segundo, após a sua morte.

No primeiro sonho, São Francisco lhe aparecia e dizia que muito em breve o jovem partiria, mas que seria considerado num lugar muito alto na Igreja. No segundo sonho, Carlo lhe aparecia e dizia: “Serei beatificado logo, e pouco depois canonizado”.

O fato é que este doce menino, que a partir de hoje pode ter seu corpo incorrupto venerado em Assis, tem muito a ensinar para esta geração. Eu falei anteriormente no texto sobre Maria Milza que a santidade é simples, porque Nosso Senhor é simples. Carlo não bilocou, não teve estigmas, mas fazia o principal: amava de todo o coração o Santíssimo Sacramento e o Santo Rosário, e assim, exalou o perfume da santidade.

A cerimônia de sua beatificação ocorrerá no dia 10 de outubro diretamente de Assis, na Itália, e será transmitida pela internet.

De calça jeans, ou terno, de sandálias havaianas, ou sapatos sociais, de vestidos caros ou simples farrapos, que possamos acompanhar a beatificação desse doce menino, que compreendeu desde cedo a linguagem do amor.

Muito embora ainda não tenha ocorrido, eu já proclamo: Beato Carlo Acutis, rogai por nós!


Atualização: Conforme o blog O Catequista, o corpo do futuro Beato Carlo Acutis não foi declarado incorrupto.


  1. https://www.youtube.com/watch?v=hOigt_qiuqE
  2. Título de sua biografia, disponível em: https://www.cultordelivros.com.br/produto/eucaristia-minha-estrada-para-o-ceu-biografia-de-carlo-acutis-78558
  3. https://www.acidigital.com/noticias/mae-do-futuro-beato-carlo-acutis-revela-detalhes-pouco-conhecidos-de-seu-filho-millenial-39118

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.