Lectio Divina: Ciclo de um ano conforme a Liturgia Romana Tradicional

184

(Ite ad Thomam. Traduzido por Igor Lima do Nascimento) Recentemente, tomei a resolução de ler as Sagradas Escrituras no próximo ano. Quero dizer, ler tudo isso em um ano mesmo. Eu li sobre a Bíblia no passado, especialmente na forma de textos curtos, que aparecem ao longo do ano litúrgico. Também li continuamente os principais livros narrativos e históricos do Antigo e do Novo Testamentos, de acordo com o plano de leitura da Bíblia “The Great Adventure”, de Jeff Cavins, que consiste em (pelo menos) 14 livros que contam toda a história da salvação (Gênesis Êxodo, Números, Josué, Juízes, 1-4 Reis, 1-2 Esdras, 1 Macabeus, Mateus e Atos). Eu também fiz alguns cursos universitários e de pós-graduação em escrituras, e já ensinei sobre alguns livros bíblicos no ensino médio. Portanto, conheço as Escrituras relativamente bem – para um leigo, pelo menos – e me sinto muito confortável em abrir qualquer página e localizar o contexto histórico, os personagens e a história principal. Mas não posso dizer que li toda a Bíblia. E o meu principal modelo, Santo Tomás de Aquino, não apenas o leu [as Sagradas Escrituras], mas literalmente o memorizou em seus dois anos de claustro no Castelo di Monte San Giovanni Campano. Não foi apenas isso: seu título oficial na Universidade de Paris era o de Magister em Sacra Pagina (basicamente, “mestre exegeta”), e produziu alguns dos comentários bíblicos mais lúcidos da história da cristandade. Portanto, tenho muito o que fazer como discípulo fiel de Santo Tomás de Aquino. Estou muito ciente de que não posso dominar a Summa e acho que cheguei ao ápice do tomismo. Eu tenho que dominar as Sagradas Escrituras (se isso é mesmo possível), e é muito claro para mim que eu tenho que começar lendo a bíblia toda. A questão é como e em que ordem fazer isso.

Agora, ao ponderar uma resposta para essa questão, a Liturgia Romana Tradicional me deu uma ideia muito boa. Como estamos na primeira semana do advento, que também é o primeiro ano do ano litúrgico, ocorreu-me que seria uma boa ideia ler a Bíblia de acordo com a ordem que nos foi proposta pela Santa Madre Igreja em seu tradicional Ofício Divino, especificamente nas lições da primeira noite das matinas. Dessa forma, não apenas leio a Bíblia, mas a vivo liturgicamente. 

Uma das maneiras mais simples de fazer isso é apenas ler as primeiras lições noturnas de matinas todas as noites. Isso é muito bom, mas o único problema é que isso lhe daria uma amostra das Escrituras, na melhor das hipóteses. De fato, é exatamente isso que venho fazendo nos últimos meses, mas fiquei decepcionado com a falta de continuidade e integridade das leituras (veja o porquê abaixo). 

Aqui estão os livros da Bíblia que são lidos em cada estação do ano litúrgico (extraídos do artigo “Breviary”, da Catholic Encyclopedia):  

A seguir, é apresentada a tabela de lições da Bíblia. Em suas características essenciais, remonta a uma antiguidade muito venerável:

  • Advento – Isaías e as Epístolas de São Paulo.
  • Natal, Epifania – São Paulo, seguindo esta ordem muito antiga: Epístolas aos Romanos, Coríntios, Gálatas, Efésios, Filipenses, Colossenses, Tessalonicenses, Timóteo, Tito, Filemon, Hebreus. 
  • Septuagesima e Quaresma – Gênesis e os outros livros do Pentateuco.
  • Paixão de Nosso Senhor – Jeremias.
  • Páscoa e tempo pascal – Atos dos Apóstolos, Apocalipse, Epístolas de São Tiago, São Pedro, São João. 
  • Tempo após Pentecostes – Livros dos Reis. 
  • Mês de agosto – Provérbios, Eclesiastes, Livro da Sabedoria, Eclesiástico.
  • Mês de setembro – Job, Tobias, Judith, Esther.
  • Mês de outubro – Macabéus
  • Mês de novembro – Ezequiel, Daniel, os doze profetas menores.

Como você pode perceber, esta lista contém a maioria, mas não todos, dos livros da Bíblia. Sob Septuagesima e Quaresma, o artigo lista “Gênesis e os outros livros do Pentateuco”, mas, na realidade, apenas a maior parte do Gênesis e parte do Êxodo são lidas. Como observa o membro do fórum da FishEaters “Paul”, o Ofício Divino “deixa de fora estes livros: Levítico, Números, Deuteronômio, Josué, Juízes, Rute, Livro de Crônicas 1 e 2, 1 Esdras, 2 Esdras, Salmos, Cânticos, Baruque, e os quatro evangelhos “. Certamente, os Salmos são constantemente recitados no Ofício Divino (todos eles toda semana), e os Evangelhos são lidos constantemente na Missa. Mas eles não são recitados ou lidos em ordem. Quero lê-los em ordem, para ver sua continuidade e lógica interna – algo pelo qual os comentários de Santo Tomás de Aquino são simplesmente o melhor recurso, a propósito. E então, é claro, Josué, Juízes 1 e 2 Esdras, que são episódios cruciais na história da salvação, são totalmente deixados de fora.

Além disso, se você ler todas as lições nas primeiras noites da matina todos os dias do ano litúrgico, acabaria lendo apenas partes de (a maioria) livros da Bíblia, mas raramente lerá todo o livro.

Além disso, toda vez que aparece uma festa litúrgico (pelo menos no breviário de 1910, que é o que eu uso), é necessário substituir a leitura das Escrituras da festa pela designada para a féria, e isso faz você mexer com o arranjo acima . Portanto, você nem estaria lendo todas as seleções prescritas para a féria. Se você quisesse uma continuidade perfeita, teria que fazer as leituras apenas para a féria.

Agora, como o que quero fazer é ler toda a Escritura (sim, sou bastante obsessivo com continuidade e integridade), decidi seguir a ordem prescrita no Breviário apenas em linhas gerais. Então, em vez de ler exatamente o que é prescrito no Ofício Divino, vou ler todos os livros da Bíblia no momento em que o Ofício Divino prescreve seleções desse livro. Além disso, para cobrir todos os livros que o Ofício Divino não prescreve, seguirei o conselho de nosso amigo Paulo, para ler “Gênesis, Êxodo, Levítico, Números, Deuteronômio, Josué e Juízes de Septuagesima até a IV Semana de Quaresma, uma por semana. Adicione Rute a setembro e Livro de Crônicas e Esdras às semanas de Pentecostes, depois de Reis. Os Cânticos podem ir com os outros livros de Sabedoria, em agosto, e Baruque com Ezequiel e Daniel, em novembro. Salmos todos os dias, repetindo-os duas vezes no ano, ou lendo metade durante a oitava da Páscoa e metade durante a oitava de Pentecostes. Ou leia dois evangelhos por semana ou leia uma parte ao longo do ano”.

O resultado é o seguinte, que é adaptado da lista do [amigo] Paulo. Os livros não prescritos no Breviário, que adicionei à lista do [amigo] Paulo, estão em CAPS (letra em maíscula):

  • Advento: Isaías
  • Quadra natalina: Romanos
  • I Semana após a Epifania: 1 Coríntios
  • II Semana após a Epifania: 2 Coríntios
  • III Semana após a Epifania (Dom-Qua): Gálatas
  • III Semana após a Epifania (Qui-Sáb): Efésios
  • IV Semana após a Epifania (Dom-Seg): Filipenses
  • IV Semana após a Epifania (Ter-Qua): Colossenses
  • IV Semana após a Epifania (Qui-Sex): 1 Tessalonicenses
  • IV Semana após a Epifania (sábado): 2 Tessalonicenses
  • V Semana após a Epifania (Seg-Seg): 1 Timóteo
  • V Semana após a Epifania (Ter-Qua): 2 Timóteo
  • V Semana após a Epifania (Qui-Sex): Tito
  • V Semana após a Epifania (sábado): Epístola a Filémon
  • VI Semana após a Epifania: Hebreus
  • Septuagésima: Genesis (Adão) – GÊNESE
  • Sexagésima: Genêsis (Noé) – ÊXODO
  • Quinquagésima: Genêsis (Abraão) – LEVÍTICOS
  • I Domingo da Quaresma: Gênesis (Isaac) – NÚMEROS
  • II Domingo da Quaresma: Gênesis (Jacó) – DEUTERONOMIA
  • III Domingo da Quaresma: Gênesis (José) – JOSUÉ
  • IV Domingo da Quaresma: Êxodo (Moisés) – JUÍZES
  • Paixão: Jeremias
  • Tríduo Pascal: Lamentações
  • Páscoa e Oitava: nenhuma (Homílias do Evangelho) – EVANGELHOS
  • I e II semanas após a Páscoa: Atos
  • III Semana após a Páscoa: Apocalipse
  • IV Semana após a Páscoa: TiagoV Semana após a Páscoa (antes da Ascensão): 1 Pedro
  • V Semana após a Páscoa (após a Ascensão): 2 Pedro
  • VI Semana após a Páscoa (Dom-Ter): 1 João
  • VI Semana após a Páscoa (qua-qui): 2 João
  • VI Semana após a Páscoa (Sex): 3 João
  • VI Semana após a Páscoa (sábado): Judas
  • Pentecostes e Oitava: nenhum (homilias do Evangelho) – 1-2 Reis
  • I-IV Semanas após o Pentecostes (se antes de agosto): 3-4 Reis
  • V-VI Semanas após o Pentecostes (se antes de agosto): SALMOS
  • VII-VIII Semanas após o Pentecostes (se antes de agosto): 1-2 LIVRO DE CRÔNICAS
  • IX-XI Semanas após Pentecostes (se antes de agosto): 1-2 ESDRAS
  • I Semana de agosto: Provérbios
  • II Semana de agosto: Eclesiastes
  • III Semana de agosto: Sabedoria
  • IV-V Semanas de agosto: Eclesiásticos, CÂNTICO
  • Semanas I-II de setembro:
  • III Semana de setembro: Tobias
  • IV Semana de setembro: Judite
  • V Semana de setembro: Ester, RUTE
  • I-III Semanas de outubro: 1 Macabeus
  • Semanas IV-V de outubro: 2 Macabeus
  • I-II Semanas de novembro: Ezechiel, BARUQUE
  • III Semana de novembro: Daniel
  • IV Semana de novembro (Seg-Seg): Oseias
  • IV Semana de novembro (terça-feira): Joel
  • IV Semana de Novembro (Qui): Amós
  • IV Semana de novembro (sex): Obadias
  • IV Semana de novembro (sábado): Jonas
  • V Semana de novembro (dom): Miqueias
  • V Semana de novembro (seg): Naum
  • V Semana de novembro (terça-feira): Habacuque
  • V Semana de novembro (quarta): Sofonias
  • V Semana de novembro (quinta): Ageu
  • V Semana de novembro (sex): Zacarias
  • V Semana de novembro (sábado): Malaquias

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.